Helen Mirren: uma verdadeira rainha.

Fevereiro 13, 2007

Helen Mirren dá um show de interpretação em A Rainha. Eu, que sou uma crítica assumida, por natureza, pela posição dos astros e por força da profissão, assino em baixo: ela está espetacular no filme. Não é fácil estabelecer uma relação de intimidade tão grande entre o espectador e uma rainha distante, fria e, para muitos, antipática. A performance de Mirren nos transporta para os aposentos pessoais da rainha e nos leva a vivenciar os conflitos de uma monarca dividida entre o dever público e o dever privado (tema também abordado em Elizabeth I).  Somente uma performance tão apurada quanto delicada, pautada no gesto, no olhar e no silêncio poderia alcançar vôo tão alto. Helen Mirren, que no mesmo ano havia encenado Elisabete I, uma rainha infinitamente mais interessante e importante para a história da monarquia inglesa que a Elisabete II, é uma atriz com “A” maíusculo, e sabe muito bem, que encenar não é algo para novatos, tampouco para aqueles que se apóiam na infâme e frágil “intuição”. Como muitos de seus colegas britânicos, tais como Vanessa Redgrave e Judi Dench, Mirren faz parte de uma sólida tradição de atores que passam anos a fio estudando a história da dramaturgia, a estética do gesto, a técnica da voz, a articulação das palavras (até mesmo, para não articulá-las bem, se assim o papel exigir). Atores como Mirren, aprenderam a interpretar todos os tipos de papéis: dos mais clássicos até os mais, na falta de palavra melhor, mundanos. E mostram como a arte da encenação é, como todas as artes, algo laborioso. Que tem muito mais a ver com a transpiração (leia-se trabalho árduo) do que com a inspiração.

O que importa a realeza inglesa nestas alturas? Pouco ou nada. O espectador não precisa ser inglês, nem ter interesse ou conhecimento prévio para entender que ele está diante de uma verdadeira rainha.

[Aplausos]

thequeen.png

12 Respostas to “Helen Mirren: uma verdadeira rainha.”

  1. Leila Says:

    Ainda não vi, mas estou com esse filme na lista. Mesmo distante de nossa realidade, e parecendo ser tão fria, a rainha da Inglaterra é um personagem fascinante. É preciso se colocar no lugar dela para entender o que a faz agir dessa forma. Não tenho dúvida que a Helen Mirren deu conta do recado.

  2. Raquel Says:

    Sinceramente, a única coisa que me fará ver este filme é a Helen Mirren/elenco. Acho a figura da rainha detestável; tive que ler um livro sobre a família real uma vez e não esqueço a parte em que ela resolveu fazer um piquinique com seus cachorrinhos, durante o qual se divertiu às garglhadas, horas depois de saber que seu primo Lord Mountbatten (último vice-rei da Índia e primeiro governador do país) tinha morrido em um atentado do IRA, no qual também foram assassinados seu neto, outro familiar e mais uma garoto. Sem falar as outras histórias, mas enfim, vou ver o filme sim.
    No Carnaval, que tem tudo a ver. 🙂

    Bjs

  3. Raquel Says:

    E o telcado estúpido do laptop está com raiva de mim: é gargalhadas e um garoto.
    Bjs

  4. cris s Says:

    Leila,
    A Elisabete I é uma figura interessante mas não chega aos pés da Elisabete II, que teve uma representatividade incrível na política e na história da Inglaterra.
    Nunca vamos ter a mínima idéia do que se passou na cabeça e, muito menos, no coração da mulher e é por isso que a especulação é interessante. Mas o que faz o filme espetacular é a atriz, sem sombra de dúvidas.
    bjs

  5. cris s Says:

    Raquel,
    Entendo a tua postura. No entanto, a história tem personagens muito mais abomináveis que a Elisabete I e, ainda assim, assisto filmes e livros sobre eles.
    Há uma certa humanidade no filme quando o próprio Tony Blair (o recém empossado Primeiro Ministro do partido trabalhista = portanto — presumidamente — universos de distância da monarquia) acaba ‘entendendo’ o porquê da rainha Elisabete I ter agido de maneira tão fria distante.
    Bjs
    P.S. Não ligue p/ o ‘telcado’. Eu nem reparo!! 🙂

  6. Regina Says:

    Cris,

    Estou morrendo de vontade ver o filme. Eu adoro atrizes de verdade como essas damas inglesas que voce citou ou aqui nos EUA atrizes como Susan Surandon e Meryl Streep. E’ tao bom ver atrizes mais maduras que vao muito mais alem das carinhas bonitas de Hollywood.

    Happy Valentines! Tem um convitinho para voce la no blog.

    Bjs.

    Regina

  7. cris s Says:

    Regina,
    Happy Valentines para vc também!

    Gosto muito também da Susan Surandon, da Meryl Streep, da Juliane Moore (que teve uma atuação estupenda em The Hours, vc deve ter assistido). Essa mulherada é fera mesmo, deixam as carinhas novinhas e bonitinhas no chinelo. 🙂

    Vou passar lá no blog daqui um pouco!
    bjkas,
    Cris

  8. Raquel Says:

    Cris, eu sei.
    Talvez tenha me explicado mal, há figuras destestáveis, que não me interessam, e há figuras igualmente detestáveis ou muito piores que me interessam. Por exemplo, quero muito ver “O Último Rei da Escócia”, porque me interesso pelo processo de descolonização africana, seus conflitos e seus tiranos.
    Huhm, talvez eu apenas ache a monarquia uma coisa anacrônica.
    De qualquer forma, vou ver, porque adoro a Hellen Mirren e o carnaval está aí para isso. 🙂
    Bjs bjs bjs

  9. cris s Says:

    Raquel,
    É essa a minha atitude também: um bom motivo para sair de casa. Não é um filme que vai mudar a tua vida e a rainha da Inglaterra não é uma personagem memorável. Mas performance da Helen Mirren é!
    Depois me conta, tá?
    bjs

  10. megafone Says:

    ela estava melhor em caligula

  11. megafone Says:

    alguem se lembra dela dando o brioco…………..eheheheh agora virou rainha…….


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: