Quando a natureza e o governo funcionam contra você.

Outubro 30, 2007

O vendaval de ontem — que mais parecia um tornado — derrubou três árvores aqui da minha casa. Duas delas caíram no telhado e racharam a laje, a outra caiu no meio da calçada. Que a Secretaria do Meio Ambiente de Curitiba me desculpe, mas eu já havia reclamado duas vezes sobre essas árvores e pedido para derrubá-las. Elas não são nenhuma araucária sólida, muito pelo contrário, parecem mais galhos metidos a árvores. Além do mais, são árvores de vida curta e vão secando naturalmente com os anos. São altíssimas, têm uma madeira porosa e mole que se dobra com o menor sinal de uma brisa… Ninguém precisa ter um Q.I. excepcional para saber que essas árvores eram um acidente em potencial esperando acontecer. No entanto, em nome de uma rigidez burra e absurda, a Secretaria do Meio Ambiente não nos deixou tirar as árvores. Eu fico pasma com essas coisas no Brasil. A Amazônia sendo depradada, crimes ambientais sendo ignorados por motivos (muito) escusos e quando uma pessoa como eu apela à justiça municipal para resolver um problema de segurança, eles alegam, com uma rigidez desmedida e com caras de quem vai salvar o mundo, que não, que eu devo manter esses galhos secos que fingem ser árvores. Olha, gostaria de avisar aos ecologistas e engenheiros agrônomos que trabalham pelo meio ambiente de Curitiba, que as minhas “árvores”, nas suas curtas existências, não tornaram o mundo mais respirável. Que, tivessem eles permitido que eu tivesse derrubado essas infames, eu teria plantado árvores verdadeiras no lugar. Queria que eles também pensassem no que poderia ter acontecido se um de nós estivesse lá fora quando uma dessas “árvores” despencaram, algo que, acredite, não seria muito improvável aqui na minha casa: todo mundo gosta de “assistir” tempestades (tá, agora vou começar a repensar). Ora, apenas uma pequena dose de bom-senso teria resolvido o caso e evitado o acidente de ontem. E, pô, a ironia de tudo é que eu amo árvores e adoro o meu jardim, como todos que passam por aqui sabem muito bem. E como alimentos orgânicos, separo o lixo, tento economizar energia, enfim, tento fazer a minha parte como cidadã do mundo. Então tudo isso para mim é uma bruta injustiça, burrice e demagogia!! O Brasil é um país de demagogos que falam muito e fazem muito pouco. Ah, você pode estar pensando, mas Curitiba não ganhou o título de “capital ecológica” do Brasil à toa. De fato, Curitiba é modelo para vários programas ecológicos, a cidade é limpa e outros cuidados básicos são gerenciados pelo governo e pela população. O resultado conseguido foi fruto de uma campanha muito bem feita de conscientização ecológica da população.  Mas nada do que Curitiba faz pelo meio ambiente é óóóóóó. No big deal. O que acontece aqui é o que todas as cidades deveriam fazer e não fazem. O diferencial é apenas este.

E a previsão para hoje é de chuvas e vendavais. Espero que os “tocos” que tenham permanecido não causem mais estragos.  

9 Respostas to “Quando a natureza e o governo funcionam contra você.”


  1. Cris, nao sabia que voce estava em Curitiba. Tenho uma simpatia enorme pela sua cidade!🙂

    Mas realmente, tem que ser um ecologico racional e saber qdo eh hora de tirar ou aparar arvore que ja esta mais pra laaaaaa que pra cah, neh?

    Boa sorte com os vendavais.
    Beijo!

    *estou ha tanto tempo sem conseguir ler blogs, ontem e hoje estou dando uma geral.

  2. Gi Says:

    Nossa, aqui no Rio tem vários desses casos e no meio da rua, coisas ridículas também e vêm aquele povo reclamar quando não fará diferença, quando a gente percebe que o problema é sério. Espero que agora eles tenham mais noção. ;-0

  3. cris s Says:

    Fer,

    Adoro quando vc me faz uma visitinha! Eu sou assídua do chucrute, ainda que nem sempre comente. Pois é, Curitiba tem muita coisa boa e que justifica a escolha de ficarmos aqui, mas, por outro lado, tem um povinho muito tacanha, viu??
    Ontem choveu, mas não chegou perto do que aconteceu na segunda. Tomara que hoje não tenha nenhuma tempestade!!

    bjs

  4. cris s Says:

    Gi,

    Tem gente que encarna o seu emprego com uma rigidez desmedida. E daí perdem a noção do sensato. Socorro, detesto esse povo.

    bjs

  5. Raquel Says:

    Cris,

    que coisa horrível. Foi só a laje ou afetou mais algum coisa? Ainda bem que não feiriu ninguém, mas imagino o susto…

    Problema aqui no Brasil é que para umas coisas as autoridades são conservacionistas, para outras, preservacionistas. Aqui no Rio a gente tem muito vendaval e chuva de verão e o Departamento de Parques e Jardions corta o que tiver que cortar, sem pena nem dó. Exageram, claro, que o que mais tem é árvore pelada, sem galhos, só o tronco cotoco…

    Bjs bjs

  6. regina Says:

    Nossa, Cris, que coisa horrivel. Sinto muito. Ainda bem que ninguem se machucou.

    Espero que o tempo tenha se acalmado por ai.

    Beijocas,

    REgina

  7. cris s Says:

    Raquel,

    Apenas ontem (sexta) conseguimos que duas das árvores fossem retiradas (as do telhado). Tenho agora que verificar se o estrago foi apenas a laje rachada… Fora isso, a casa ficou praticamente alagada pois as calhas entupiram… nunca tinha visto algo assim, a água brotava feito uma fonte. Em questão de minutos, encheu de água.

    Foi um perigo mesmo e eu não quero mais ficar em pânico cada vez que tem uma tempestade. Então vou ter que dar cabo das duas que sobraram… Daí eu planto outras sólidas.

    bjs

  8. cris s Says:

    Regina,

    Agora tudo está calmo. Ontem teve outra tempestade, mas não foi nada parecido com a de segunda. O tempo anda muito estranho por aqui… a mãe natureza está revidando…

    beijocas

  9. cris Says:

    poxa, jurava que você era de são paulo… bem, eu estava em campinas na segunda-feira pra um congresso e o temporal lá foi terrível. quando acordei pela manhã havia várias árvores com as raízes para cima e a cidade sem luz. caos total. inda bem que na unicamp tudo estava funcionando. bjins


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: