Yangshuo: a cidade dos sorrisos e dos convites

Agosto 5, 2009

O famoso cruzeiro nas águas tranquilas do Rio Li, tipicamente parte de Guilin e chega, três horas mais tarde, na bela cidade de Shanzou. O dia estava escaldante, mas a paisagem era linda e compensava o cansaço causado pelo calor. Depois de Beijing e Shangai, metrópoles imponentes, Shanzou nos pareceu um vilarejo pitoresco, abrigado entre os estonteantes pináculos de rochas calcárias do Rio Li. Nos desligamos do grupo para ter mais tranquilidade e partimos para explorar o centro, cheio de lojinhas e mercados ao ar livre. De repente sinto uma mão delicada batendo no meu ombro. Era um adolescente de uns 15 anos. “Can you join us later this afternoon?”, pergunta o menino. “We are inviting you to our weekly English conversation party”. Logo vi que o meu “amigo” vinha acompanhado de alguns outros, igualmente simpáticos e sorridentes. Falei: “So you guys are meeting later to practise your spoken English? Cool! But we will be going back to Guilin at 6 pm, I’m afraid. Thanks for the friendly invitation, anyway.” E aí a professora, que parecia ter uns 16 no máximo, se apresentou e falou da escola de inglês e me deu o cartão que eu seguro na mão, na foto abaixo. Disse que se eu conhecesse alguém que quisesse praticar inglês com eles uma vez por semana, a escola forneceria acomodação e cursos de cultura chinesa em troca! De fato, é realmente isso que o cartão da escola promete.  Expliquei a ela que dei aulas de inglês durante muitos anos. Trocamos mais alguns sorrisos e eu tirei a foto abaixo, que ela pediu para eu enviar a ela.

invitation

Umas duas horas depois do primeiro convite, um pouco revitalizados do calor pela massagem,  sou abordada por chinesinha de uns 4-5 anos, que me entrega um convite de seu aniversário. Ela estava acompanhada de sua mãe e mais três amigos. Eu leio o convite (em inglês e em chinês) e a mãe diz em broken English que eles estavam escolhendo algumas pessoas na rua para a festa de aniversário da filha no dia seguinte! E eu, sabe-se lá porque, fui uma das felizardas escolhidas! A menina era muito bonitinha e, como não sabia se era próprio ou não abraçá-la, apenas me ajoelhei para ficar na altura dela e falei “Sie-sie”, “Thank you, sweetie, but I won´t be here tomorrow”. A mãe pediu uma foto ao meu marido. Posamos para a foto, todos alegres. Eu achando que era a câmera do meu marido, mas era a da mãe da menina. Então só fiquei  com a  foto da lembrança.

4 Respostas to “Yangshuo: a cidade dos sorrisos e dos convites”

  1. Edelize Says:

    So cute! Adoro esta espontaneide!

  2. Ana Says:

    A foto ficou linda bem natural. E nessa cidade pelo jeito as pessoas sao bem abertas à presença de estrangeiros. E vc jah voltou pro batente ? Pelo menos com a “friagem”🙂 é melhor trabalhar que com calor (ninguém merece, eu nao guento mais). Beijocas.

    • cris s Says:

      Ana,
      Yangshuo é uma cidade pequena e eles cultuam os estrangeiros. É impressionante.

      Ainda não voltei p/ o batente por conta da gripe suina. Vamos ver se as aulas iniciam na semana que vem, mas, pelo jeito, a coisa tá feia. Eu, ao invés de colocar o trabalho em dia, fico aqui no brógue e inventando outras coisas sem nada a ver.🙂
      beijos


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: